Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/20.500.12494/10319
Exportar a:
Title: Violence Due to Prejudice Against People with Diverse Sexual Orientation or Gender Identity in the Venezuelan Legal-judicial System
La violencia por prejuicio hacia las personas con orientación o identidad de género-sexo diverso en el sistema jurídico-legal venezolano
A violência por preconceito contra as pessoas com orientação ou identidade de gênero-sexo diverso no sistema jurídico-legal venezuelano
Author: Araujo-Cuauro, Juan Carlos
Resume: Purpose: Violence based on sexual orientation and/or gender identity constitutes a violation of human rights. Therefore, the purpose of this article is to characterize the legal-judicial aspect of violence against people of diverse gender/sex. Description: Certain individuals face a high level of violence due to prejudice against their sexual orientation and gender identity. This is the case of people of diverse sex/gender such as the community composed of lesbians, gays, bi-, trans- and intersexuals (lgbti). Approach: Violence due to prejudice is a concept that points to an understanding of violence as a social phenomenon, as opposed to violence understood as an isolated event. Human rights are universal, inalienable, indivisible, interconnected and interdependent. Each individual, regardless of their sexual orientation or gender identity, is entitled to the respect, protection, exercise and enjoyment of all fundamental human rights and freedoms. In the Venezuelan legal system, this protection is not provided to people of diverse sex/gender despite the existence of a law that is very succinct. Conclusions: There are still many legal gaps regarding violence due to hate or prejudice against people of diverse sex/gender in Venezuela, despite the national Constitution and other national laws, as well as the obligations of international treaties adopted by the Venezuelan State, which grant certain implicit and explicit protections to this community. Legislative and jurisdictional regulations have not assembled any legal position. The partial reform that was made to the Penal Code in 2005, regarding the provisions on hate crimes resulting from violence due to prejudice, has not been implemented even though there are many reported cases of this type of violence in daily practice.
Propósito: la violencia por motivos de orientación sexual y/o identidad de género constituye una violación de los derechos humanos. Por eso, el propósito de este artículo es caracterizar el aspecto jurídico-legal de la violencia contra las personas género-sexo diverso. Descripción: hay personas que se enfrentan a un elevado nivel de violencia por prejuicio debido a su orientación sexual y su identidad de género. Es el caso de las personas género-sexo diverso como la comunidad integrada por personas lesbianas, gais, bisexuales, trans e intersexuales (lgbti). Enfoque: la violencia por prejuicio es un concepto que apunta a una comprensión de la violencia como un fenómeno social, en contraposición a la violencia entendida como un hecho aislado. Los derechos humanos son universales, inalienables, indivisibles, interconectados e interdependientes. Cada individuo, sin importar su orientación sexual o identidad de género, tiene derecho al respeto, la protección, el ejercicio y el disfrute de todos los derechos humanos fundamentales y las libertades. En el ordenamiento jurídico venezolano, no se prevé esta protección a las personas género-sexo diverso a pesar de existir una ley que es muy escueta. Conclusiones: persisten muchos vacíos legales acerca de la violencia por odio o por prejuicio contra las personas género-sexo diverso en Venezuela, a pesar de la Constitución nacional y las demás leyes nacionales, así como las obligaciones de los tratados internacionales adoptados por el Estado venezolano, los cuales otorgan ciertas protecciones implícitas y explícitas a esta comunidad. Las normativas legislativas y jurisdiccionales no han ensamblado ninguna postura jurídico-legal. La reforma parcial que se le hizo al Código Penal en el 2005, acerca de las disposiciones sobre crímenes de odio producto de la violencia por prejuicio, no ha sido implementada a pesar de que en la práctica diaria son muchos los casos reportados de este tipo de violencia.
Propósito: a violência por motivos de orientação sexual ou de identidade de gênero constitui uma violação dos direitos humanos. Por isso, o propósito deste artigo é caracterizar o aspecto jurídico-legal da violência contra as pessoas de gênero-sexo diverso. Descrição: há pessoas que enfrentam um alto nível de violência por preconceito devido à sua orientação sexual ou identidade de gênero. É o caso das pessoas de gênero-sexo diverso como a comunidade integrada por pessoas lésbicas, gays, bissexuais, trans e intersexuais (lgbti). Abordagem: a violência por preconceito é um conceito que indica uma compreensão da violência como um fenômeno social, em contraposição à violência entendida como um fato isolado. Os direitos humanos são universais, inalienáveis, indivisíveis, interconectados e interdependentes. Cada indivíduo, sem importar sua orientação sexual ou identidade de gênero, tem direito ao respeito, à proteção, ao exercício e gozo de todos os direitos humanos fundamentais e liberdades. No ordenamento jurídico venezuelano, a proteção às pessoas de gênero-sexo diverso não está prevista, embora exista uma lei que é muito concisa. Conclusões: persistem muitos vazios legais sobre a violência por ódio ou por preconceito contra as pessoas de gênero-sexo diverso na Venezuela, apesar da Constituição e das demais leis nacionais, bem como das obrigações dos tratados internacionais adotados pelo Estado venezuelano, os quais outorgam certas proteções implícitas e explícitas a essa comunidade. As normativas legislativas e jurisdicionais não têm estabelecido nenhum posicionamento jurídico-legal. A reforma parcial realizada ao Código Penal em 2005, sobre as disposições dos crimes de ódio produto da violência por preconceito, não foi implementada, ainda que, na prática diária, sejam muitos os casos relatados desse tipo de violência.
Type: info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion
Other Identifiers: https://revistas.ucc.edu.co/index.php/ml/article/view/2242
10.16925/cf.v4i2.2242
metadata.dc.rights: Derechos de autor 2018 Colombia Forense
Full text: Colombia Forense; v. 4 n. 2; 45-60
Colombia Forense; Vol. 4 Núm. 2; 45-60
Colombia Forense; Vol 4 No 2; 45-60
2145-9649
2145-0684
Appears in Collections:Colombia Forense

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.